Saiba o significado das cores e dos elementos da bandeira brasileira

A bandeira brasileira é a principal representante do país perante as nações estrangeiras. Afinal, é pela bandeira que se reconhece uma nação. Não é à toa que ela é um dos quatro símbolos oficiais da chamada República Federativa do Brasil, em conjunto com as armas nacionais, o hino nacional e o selo nacional. E não tiramos isso da nossa cabeça, não: é a própria Constituição Federal que aborda esse tema. A bandeira como é hoje foi instituída em 1889, quatro dias após a proclamação da República.

Os responsáveis por planejar, pensar e confeccionar a bandeira do Brasil foram os professores Raimundo Teixeira Mendes, então presidente do Apostolado Positivista do Brasil, e Manuel Pereira Reis, catedrático de astronomia da Escola Politécnica. Também contribuíram o Dr. Miguel Lemos e o pintor Décio Vilares, que foi o responsável pelo desenho.

Mas, falando em bandeira, você sabe o que cada cor significa? É provável que você já tenha ouvido a teoria de que o verde representam as florestas, o azul o oceano e o amarelo o ouro, não é mesmo? Pois essa é uma das explicações (talvez, a mais difundida). Mas há outras teorias também. Então, vamos a elas!

O retângulo verde

Atualmente, o significado mais difundido do retângulo verde que compõe a bandeira do Brasil é, de fato, a representação do verde das florestas e das matas brasileiras. Porém, apesar de essa ser a explicação mais popularizada entre os brasileiros, existe outra que já foi a oficial.

E ela vem lá da época do império. Então, você já deve imaginar que a explicação tem a ver com Portugal, não é mesmo? Antes de ser associada à exuberante natureza do Brasil, a cor verde era uma homenagem à Casa de Bragança e, consequentemente, à família de Dom Pedro I.

A Casa de Bragança foi a casa real da Coroa Portuguesa entre 1641 e 1910. A dinastia de Bragança foi a quarta dinastia de reis e rainhas que reinaram em Portugal, e o brasão dessa dinastia possui dois dragões verdes. Por isso, o retângulo verde da bandeira do Brasil pode ser considerado uma homenagem à Casa de Bragança.

O losango amarelo

Assim como o retângulo verde, o losango amarelo também possui um significado mais difundido e popularizado e outro mais ligado às dinastias portuguesas. O significado mais comum do amarelo são as riquezas do Brasil, sobretudo, o ouro e o minério. Mas há também quem diga que o losango e o amarelo representam a mulher nas posições de mãe, filha e esposa. Não é à toa que o losango se encontra no centro da bandeira, entre o retângulo verde e a esfera azul.

Outra explicação para o losango amarelo é a de que o desenho e a cor fazem referência ao amarelo-ouro da Dinastia Habsburgo-Lorena. A Casa dos Habsburgos, também conhecida como Casa da Áustria, foi uma das mais influentes na Europa entre os séculos XIII e XX. Entre seus principais territórios de domínio, estavam o Sacro Império Romano Germânico e o Império Austro Húngaro. Em 1736, com o casamento entre Maria Teresa, da dinastia de Habsburgo, e Francisco III, de Lorena, formou-se a dinastia Habsburgo-Lorena.

Mas, afinal, o que essas dinastias de portugueses e austríacos têm a ver com a bandeira do Brasil? Simples! Maria Leopoldina de Áustria, esposa do imperador Dom Pedro I e mãe de Dom Pedro II, pertenceu à dinastia Habsburgo-Lorena, tanto que seu nome oficial é Carolina Josefa Leopoldina de Habsburgo-Lorena.

Há quem garanta que a cor amarela em homenagem à dinastia Habsburgo-Lorena e o verde em homenagem à dinastia de Bragança estejam registradas em uma carta de Maria Leopoldina à mãe, Maria Teresa. Na carta, Maria Leopoldina teria dito “verde dos Braganças e do amarelo-ouro dos Habsburgos”, em referência às cores da bandeira brasileira.

A esfera azul

É claro que também há muitas teorias para a esfera azul da bandeira do Brasil. A explicação mais simples é a de que o azul representaria o céu, os rios e os mares brasileiros. Outra, que também vai nessa linha da cor do céu, diz que a esfera azul simboliza o dia ensolarado e de céu limpo de 15 de novembro de 1889, o dia da proclamação da República. Essa ideia de que a esfera azul representaria o céu fica ainda mais forte se observarmos as estrelas brancas.

Mas os portugueses não ficam de fora da explicação da esfera azul. Esse desenho já representou a esfera armilar, importante elemento do brasão português, que também está na bandeira do país lusitano. A esfera armilar é um instrumento da astronomia que auxilia a navegação, por isso, é tão valorizada pelos portugueses.

Outras teorias dizem que o azul pode ser uma homenagem ao Cristianismo e ao manto de Nossa Senhora, mãe de Jesus e padroeira de Portugal e do Brasil.

As estrelas brancas e a faixa

O significado das estrelas brancas com a esfera azul ao fundo talvez seja o de maior consenso, apesar de também existirem teorias distintas sobre elas. A explicação que a maioria das pessoas concorda é a de que cada estrela representaria um estado brasileiro e o Distrito Federal. Tanto é que, em sua primeira versão, a bandeira brasileira tinha apenas 21 estrelas brancas antes da criação dos novos estados. Hoje são 27 estrelas.

E engana-se quem pensa que a única estrela que fica na parte superior da esfera representa o Distrito Federal. Ela é, na verdade, a representação do Pará, que era o então maior território próximo à linha do Equador.

Há também quem garanta que a disposição das estrelas na bandeira representa a constelação no dia da Proclamação da República — as estrelas daquele dia estariam dispostas de uma maneira próxima à que hoje está na bandeira do Brasil.

Já a faixa escrita “Ordem e Progresso” se refere ao lema positivista, baseado em Augusto Comte, que dizia “o amor por princípio e a ordem por base; o progresso por fim”. Na época da criação da bandeira do Brasil, o positivismo exercia uma grande influência na sociedade.

O Dia da Bandeira

A bandeira é um elemento tão importante para o Brasil que existe um dia do ano em sua homenagem. A comemoração do Dia da Bandeira é no dia 19 de novembro, dia em que a bandeira foi criada, 5 dias após a Proclamação da República.

Com a Proclamação da República e uma bandeira própria, não mais vinculada à Portugal, os dias 15 e 19 de novembro passaram a representar um momento de transformação no Brasil com uma mudança de governo. Nesse período, o Brasil passou do regime imperial para uma república federativa, daí a importância do Dia da Bandeira e do dia da Proclamação da República Brasileira.

E aí, gostou dessas curiosidades sobre os elementos da bandeira brasileira? Se tiver alguma dúvida ou conhecer outras teorias, compartilhe com a gente no campo de comentários!